O que são sementes crioulas ou locais?

São variedades desenvolvidas, adaptadas ou produzidas por agricultoras/es familiares, assentadas/os da reforma agrária, povos indígenas e comunidades tradicionais, com características que as/os agricultoras/es e comunidades selecionaram por várias gerações, e adaptadas aos seus sistemas de produção. 

Já a maioria das variedades comerciais têm suas características selecionadas somente para alcançarem altas produtividades, e não para serem resistentes, por isso precisam de ambientes modificados pelo uso excessivo de fertilizantes químicos e agrotóxicos para produzirem. 

Portanto, o uso das variedades crioulas é compatível com as dimensões sociocultural e ambiental das comunidades, ou seja, respeitam o jeito tradicional de fazer agricultura das comunidades e preservam a cultura, o ser humano, a terra, a água, os animais e a vegetação natural.

Foto_Riquieli Capitani de Oliveira (29)

Semente é todo material propagativo vegetal e animal:

cabe ressaltar que a ReSA compreende que sementes são todas as formas de vida utilizadas para a multiplicação de uma espécie, ou seja, grãos, tubérculos, ovos e animais, são considerados sementes e fundamentais para a manutenção da biodiversidade e a produção de alimentos. Neste sentido, as sementes são patrimônio da humanidade e direito fundamental para a manutenção da vida.